Educar hoje em dia

Não é fácil educar e criar filhos – sejam meninos ou meninas – numa sociedade onde impera o conceito de que para ser homem tem que se caçar a presa com todas as armas. Do perfume másculo à lança. Do carrão, posses, condições sociais e tal à arapuca. Da cor às piadinhas de gênero.

Onde as mulheres são alimentadas a educarem seus filhos para serem sarados, safados, conquistadores, fortes e a não botarem as mãos na louça. A serem homens de caça, a conquistarem as fêmeas como servas, gueixas. Enfraquecerem a presa com sua força.

As meninas ensinadas a serem servis ou fúteis, muito mais do que úteis à sociedade. Está tudo aí descrito. Do marketing à novela. No governo interino. Nas políticas sociais. Na vida ao vivo e em cores.

Vamos mudar estes preconceitos?

Humanizar enquanto é tempo!

Texto: Josette Garcia
Editora da coluna: Andrea Mayumi

Educar hoje em dia

| Feminismo | 0 Comments
Sobre o autor
- Elas por Elas é um coletivo feminista de Curitiba. Somos um espaço de debate e apoio às mulheres. Nossos valores são sororidade, empoderamento, respeito e empatia.

O que achou desta novidade?